AMIRA Multicam Cinematográfica em HDR

AMIRA Multicam Cinematográfica em HDR

A AMIRA suporta workflows para produções multi-câmeras ao vivo em HDR de acordo com o BT.2100

Uma opção HDR, recomendada pela BBC para produções ao vivo, é usar o sinal Hybrid Log Gamma (HLG). Essa solução econômica permite uma distribuição de HDR e SDR de multicast, incluindo feeds e saídas de SDR e HDR e, pode ser usada com os formatos HD e UHD. Também pode ser usada com taxas de quadros variadas.

O HLG é definido como compatível com SDR. Os monitores SDI precisam suportar as cores primárias do Rec. 2020. Essa compatibilidade reversa é obtida pela curva característica do HLG, sendo semelhante a um sinal SDR de uma câmera com configurações máximas do knee. Os monitores HDR então regulam a compressão das altas em função do knee. No SDR, suportando as cores primárias Rec. 2020, os sinais são mostrados com as altas luzes comprimidas.

Para o workflow descrito, recomendamos que o matching ou o ajuste de cor, sejam feitos com um sinal convertido Rec. 709 SDR, em um monitor de referência SDR. Isso faz com que a saída HDR mostre os detalhes mais escuros e claros com imagens típicas, enquanto as partes da imagem mais relevantes estão nos tons médios.

Componentes
O sistema é composto de câmeras AMIRA (ou ALEXA Mini), com o look “ARRI 2100 HLG 1K 200” selecionado. O Espaço de Cores de Saída para SDI é “Rec. 2020 HLG”. O Painel de Controle Remoto Sony RCP 1500 (ou compatível), pode ser usado para o matching de câmera e ajuste de cor (consulte o White Paper da AMIRA Multicam para obter mais detalhes sobre isso: arri.com/camera/amira/downloads).

Fontes externas incluem: um gerador de caracteres para legendas e gráficos e feeds de vídeo. Tenha em mente que, o conteúdo SDR precisa ser convertido de SDR para HLG, usando um conversor como o AJA FS-HDR.

Não há requisitos específicos para o switcher neste workflow e não são necessárias configurações específicas no switcher comparado com o SDR Rec. 709.
A saída PGM do switcher é um sinal HDR HLG e, para o sinal de saída SDR REC 709, a saída precisa ser convertida em SDR por um conversor, como o AJA FS-HDR. O sinal Multiviewer é fornecido em HLG.

A configuração requer monitores profissionais de estúdio HDR, por exemplo, o Sony X300, o Eizo CG 3145, o TV Logic LUM-310R ou modelos compatíveis, um monitor de estúdio SDR com suporte para Rec. 2020 (sinal SDR HLG requer um monitor com capacidade Rec. 2020) e um monitor HDR (ou SDR) de baixo custo para monitoração multi-câmera.

Workflow
O workflow HDR é muito semelhante ao workflow SDR estabelecido para produções ao vivo e, como dito acima, é recomendado pela BBC (consulte o relatório ITU-R BT.2408-0, Operational practices in HDR television production, ITU Geneva, 10/2017).
O mesmo sinal de vídeo é usado para produção e distribuição e, o sinal HDR HLG é compatível com SDR Rec. 2020 para imagens ao vivo. O sinal HLG pode ser monitorado como na qualidade de pré-monitoração, também com um monitor SDR Rec. 709, como um monitor de câmera, apenas pela desaturação das cores do monitor.

Compatibilidade
O HLG é suportado pela grande maioria das ferramentas e dispositivos HDR da indústria de broadcast. As saídas da câmera e arquivos potencialmente gravados na câmera, incluem o look idêntico do HLG. O sinal HLG é fornecido nas saídas SDI da câmera com o look incluído na câmera. Apesar disso, a gravação em paralelo no cartão em Log C, ainda é possível.

Conclusão
Em resumo, este workflow está propondo um passo suave no mundo do HDR, sem incomodar o SDR e sem grandes mudanças nos workflows estabelecidos.
Se você precisar de mais informações ou tiver algum comentário ou dúvida, entre em contato com a equipe de vendas da ARRI.